segunda-feira, 21 de maio de 2012

Renault 4L na Rampa da Falperra


“É uma experiência completamente diferente! Tudo se passa quase em câmara lenta, e quase dá para cumprimentar um a um os adeptos. Só vi loucura assim com o Rali de Portugal no Norte. Então se fosse a ‘dar’ máximos era a loucura total”, referiu Filipe Mesquita, jornalista do Autosport encarregue de ‘empurrar’ a 4L rampa acima, e que ficou surpreendido pelo carinho e admiração que os adeptos têm pela 4L: “Houve quem me tivesse dito que veio à Falperra somente para ver a Renault 4L e também quem tivesse beijado o carro”, referiu.
Por fim, a parte mais dura desta história toda. Como é subir a Falperra aos comandos da Renault 4L? “É fácil! É tudo a fundo menos duas curvas! Lá dentro a noção que tenho é que vou depressa, mas visto por fora não parece nada. Ainda me atravessei uma ou duas vezes, mas tudo se passa tão devagar que não é difícil ir ‘buscá-la’ outra vez.”, referiu Filipe Mesquita que tem a honra de estar no topo da classificação final oficial da Rampa da Falperra. É verdade, mas agora pode virar novamente a folha ao contrário. A parte de cima deve referir Simone Faggioli.
Ler mais: http://autosport.sapo.pt/renault-4l-deslumbrou-na-falperra=f105718#ixzz1vWhegag2

3 comentários:

  1. http://www.armaholic.com/page.php?id=16729

    ResponderExcluir
  2. http://www.testosterona.blog.br/2012/03/01/os-50-melhores-sites-porno-do-mundo/

    ResponderExcluir